sexta-feira, 21 de agosto de 2009

Pesquisa do blog surpreende e dá vitória a Cristóvan Buarque

A votação de Cristóvan Buarque, numa pesquisa que omitiu Ciro Gomes, reflete apenas a opinião dos leitores do blog. Mas já é um indicativo. Veja resultados ao lado. Termina hoje a primeira pesquisa presidencial do blog Porfírio Livre. Já admiti que ela foi mal elaborado, ao omitir nomes como o de Ciro Gomes e do General Heleno. A partir de amanhã, será postada outra pesquisa, com mais nomes e um prazo de dez dias para votação.
Para seu controle, chamo atenção para o resultado apresentado pelos 106 votos postados em uma semana. O resultado, que certamente não reflete as expectativas do eleitorado, mas dos leitores do blog, põe Cristóvan Buarque (foto) em primeiro lugar, com 25 indicações, ou 23% das preferências, seguido por Dilma Rousseff, com 23 votos (21%) e por Heloísa Helena com 13 (12%). José Serra é o último da lista, com 9 indicações (8%)
Na pesquisa sobre o Senado, que ainda continua, votaram até agora 44 leitores: 81% o consideram desnecessário e preferem o Congresso Unicameral. 19% defendem o sistema bicameral.
Há ainda uma terceira pesquisa, com abertura para a pessoa dar mais de uma resposta. O programa do blog, no entanto, estabeleceu percentuais como se houvesse apenas uma opção. Assim, 54% se manifestaram contra Lula poder disputar o terceiro mandato e 26% a favor. Por outro lado, 21% opinaram contra qualquer tipo de reeleição e 13% aceitam reeleições ilimitadas.

2 comentários:

  1. Anônimo5:08 AM

    Your blog keeps getting better and better! Your older articles are not as good as newer ones you have a lot more creativity and originality now keep it up!

    ResponderExcluir
  2. Anônimo10:27 AM

    Nice post and this mail helped me alot in my college assignement. Say thank you you on your information.

    ResponderExcluir

Quem sou eu

Minha foto
Jornalista desde 1961, quando foi ser repórter da ÚLTIMA HORA, PEDRO PORFÍRIO acumulou experiências em todos os segmentos da comunicação. Trabalhou também nos jornais O DIA e CORREIO DA MANHÃ, TRIBUNA DA IMPRENSA, da qual foi seu chefe de Redação, nas revistas MANCHETE, FATOS & FOTOS, dirigiu a Central Bloch de Fotonovelas. Chefiou a Reportagem da Tv Tupi, foi redator da Radio Tupi teve programa diário na RÁDIO CARIOCA. Em propaganda, trabalhou nas agências Alton, Focus e foi gerente da Canto e Mello. Foi assessor de relações públicas da ACESITA e assessor de imprensa de várias companhias teatrais. Teatrólogo, escreveu e encenou 8 peças, no período de 1973 a 1982, tendo ganho o maior prêmio da crítica com sua comédia O BOM BURGUÊS. Escreveu e publicou 7 livros, entre os quais O PODER DA RUA, O ASSASSINO DAS SEXTAS-FEIRAS e CONFISSÕES DE UM INCONFORMISTA. Foi coordenador das regiões administrativas da Zona Norte, presidente do Conselho de Contribuintes e, por duas vezes, Secretário Municipal de Desenvolvimento Social. Exerceu também mandatos em 4 legislaturas na Câmara Municipal do Rio de Janeiro, sendo autor de leis de grande repercussão social.